Atendimento psicológico: como as empresas podem oferecer

Categoria: Saúde

O último ano viu crescer a demanda por atendimento psicológico praticamente em todo o mundo. O isolamento social exigido pela pandemia, as dificuldades financeiras que a economia mundial enfrenta e os danos emocionais resultantes foram as grandes causas da necessidade de terapia para boa parte da população.

Nesse sentido, as empresas podem dar um grande passo no resgate do equilíbrio de seus colaboradores por meio desse benefício corporativo. É essencial para o reequilíbrio das próprias organizações.

Continue a leitura e descubra quais são os tipos de terapia e como as empresas podem investir nessa solução.

O que é uma sessão de terapia?

O atendimento psicológico se dá, inicialmente, por meio de sessões de psicoterapia, ou simplesmente de terapia, entre o profissional e o paciente. Mas afinal, o que é uma sessão de terapia e como funciona?

Uma sessão com o psicoterapeuta é, antes de tudo, a oportunidade de se iniciar e posteriormente dar andamento a uma relação humana diferenciada, que traz consigo alguns benefícios. De maneira geral, uma sessão é uma reunião ou encontro programado entre um psicólogo habilitado e o interessado.

O objetivo das sessões pode ser conseguir o alívio do estresse emocional pelo qual a pessoa vem passando. Da mesma forma, também visa identificar a origem de problemas de saúde mental enfrentados, para os quais se sente a necessidade de ajuda profissional.

Também deve ser considerada a permanente conduta na direção de auxiliar o paciente a descobrir novas e diferentes maneiras de lidar com as questões de sua própria vida. Dessa forma, a psicoterapia abrange diferentes tipos de tratamentos e atendimento psicológico, mas sempre com a colaboração do paciente, identificando mudanças e melhorias ao longo do tempo.

Quais os principais tipos de atendimento psicológico?

As escolas de terapia com vistas ao atendimento psicológico do indivíduo são diversas e suas sessões quase sempre também. Veja a seguir os principais tipos e como se dá uma sessão para cada um.

Psicanálise

Inaugurada pelo conhecido Sigmund Freud, no início dos anos 1900, a sessão de psicanálise como atendimento psicológico ocorre em um consultório, conduzida por um profissional psicanalista, que pode ser um psicólogo ou um psiquiatra. Tradicionalmente, o paciente permanece deitado em um divã.

O objetivo desse procedimento é evitar o contato visual com o psicanalista para reduzir a inibição diante do terapeuta. Desse modo, fica mais fácil para o indivíduo relatar seus sentimentos, assim como os conflitos e os comportamentos que adota.

Diferente do estereótipo que foi construído à sua volta, a psicanálise não está diretamente interessada em remoer o passado do paciente, mas em identificar o que perturba o seu presente. De modo geral, é indicada para o aprimoramento do autoconhecimento da pessoa, mesmo que não esteja ocorrendo alguma crise.

Lacaniana

Embora seja parecida com a psicanálise, da qual constitui uma variação no modo do atendimento psicológico, a terapia lacaniana avalia meticulosamente cada palavra empregada pelo paciente durante a sessão. Como sua irmã mais velha, adota a livre associação para que haja reflexão do paciente sobre seus dilemas.

No entanto, caracteriza-se por diversas intervenções do terapeuta durante as manifestações do paciente. Na verdade, pode ocorrer, até, de haver uma brusca interrupção para que o paciente reflita sobre o que foi dito e, nesse caso, uma sessão pode durar apenas alguns minutos.

Cognitivo-comportamental

A terapia cognitivo-comportamental foi desenvolvida nos anos 1960 e se caracteriza por trabalhar o atendimento psicológico com um foco, isto é, por sua objetividade. Como seu nome indica, trata-se de ajudar o paciente levando-se em conta a influência de seus pensamentos em relação aos diferentes comportamentos que a pessoa adota.

As sessões constituem um trabalho de parceria entre o profissional e o paciente, em esforço conjunto. O objetivo é alcançar mudanças no raciocínio do indivíduo sobre determinadas questões, com o intuito de alterar sua interação com o mundo em que vive e com as pessoas com as quais se relaciona.

Gestalt-terapia

Na Gestalt-terapia utiliza-se o termo cliente, em vez de paciente. Isso porque é ele quem assume o papel ativo em seu processo e durante o atendimento psicológico, quer dizer, o terapeuta não é um elemento diretivo na relação.

Partindo do princípio de que a sabedoria está com o próprio indivíduo, as sessões de Gestalt-terapia fortalecem a importância das autodescobertas do cliente, tanto quanto de suas sensações e emoções. A ideia é apoiar os seus interesses e necessidades genuínas.

Ao mesmo tempo, a sessão procura identificar o que pode gerar algum tipo de sofrimento ou afetar sua autoestima ou a funcionalidade na vida pessoal ou profissional. De todo modo, o empenho do terapeuta é na realização de um trabalho de parceria para encontrar aquela sabedoria que já reside no cliente.

Psicodrama

O psicodrama é uma espécie de terapia de grupo na qual se faz uso de expressões dramáticas como uma peça teatral ou movimentos do corpo. Oferece espaço para a espontaneidade e costuma ser empregada nas empresas, em diferentes dinâmicas de grupo.

Uma sessão de psicodrama deve ser organizada de modo que tenha um começo, quando geralmente se adota um aquecimento. Em seguida, deve apresentar o desenvolvimento propriamente (dramatização) e, posteriormente, o encerramento (compartilhamento).

A terapia psicodramática visa ao desenvolvimento da espontaneidade e da criatividade. Ao mesmo tempo, busca a compreensão de si próprio e do outro, assim como da sociedade, além da responsabilidade de cada um e da capacidade de se colocar no lugar do outro.

Como oferecer atendimento psicológico aos colaboradores?

As iniciativas de qualidade de vida para os colaboradores da empesa podem avançar e incluir a oferta de atendimento psicológico. Este, por sua vez, pode ocorrer in company, com um plantão em ambiente da própria empresa, ou pode ser conduzido online, como ocorre com a telemedicina.

Existem vantagens em qualquer das opções e, desse modo, cada empresa avalia o que lhe é mais adequado, de acordo com suas próprias circunstâncias. No entanto, o principal aspecto a ser considerado é poder contar com profissionais especializados no desenvolvimento de bem-estar e qualidade de vida nas empresas.

Para esse fim, conte com a expertise da BeeCorp, uma empresa especializada e capaz de oferecer uma gestão completa e integrada da saúde, qualidade de vida e segurança de seus colaboradores.

Como você pode ver, existem diversos tipos de atendimento psicológico, e sua empresa pode melhorar muito as condições, entre outras, do clima organizacional e dos relacionamentos interpessoais entre os colaboradores.

Entre em contato conosco e saiba como a BeeCorp pode ser a grande parceira nessa jornada.

BLOG DA BEECORP
Você também pode se interessar
Saúde
Pressão baixa: entenda como agir, sintomas e causas

Pressão baixa: entenda como agir, sintomas e causas Por: Christine Ornelas

Quando a pressão arterial se encontra abaixo dos valores considerados normais, ou seja, 9 por 6, estamos diante do que é clinicamente conhecido como pressão baixa ou hipotensão arterial,...
Saúde
Saúde coletiva: o que é, como promovê-la e atuações profissionais

Saúde coletiva: o que é, como promovê-la e atuações profissionais Por: Anderson Rodrigues

A promoção da saúde coletiva é resultado de um pensamento sistêmico relacionado à saúde da população no geral. A partir disso, um estudo abrangente investiga as doenças mais comuns...
Saúde
CID 10: o que é, como consultar, códigos e classificações

CID 10: o que é, como consultar, códigos e classificações Por: Anderson Rodrigues

A CID 10 é uma lista de códigos que classifica doenças e condições médicas em categorias. O objetivo é padronizar a nomenclatura das patologias para facilitar a identificação delas...
Saúde
Lombalgia (dor lombar): causa, sintomas, diagnóstico e tratamento

Lombalgia (dor lombar): causa, sintomas, diagnóstico e tratamento Por: Alice Araujo

Se você nunca teve lombalgia, certamente conhece alguém que já sofreu por causa dela. Segundo estudo da OMS (Organização Mundial da Saúde), nada menos que 80 a cada 100...
Saúde
Febre: o que é, causas, sintomas e mais!

Febre: o que é, causas, sintomas e mais! Por: Anderson Rodrigues

A febre é uma alteração comum associada a várias doenças. Infecções, estresse, viroses, entre outros problemas de saúde, como dor de cabeça intensa, podem ocasionar o aumento da temperatura...
Saúde
Ansiedade: quais são os sintomas e como controlar

Ansiedade: quais são os sintomas e como controlar Por: Paola Sobral

Essa sensação natural é um estado de angústia caracterizado pela sensação de medo, insegurança e incerteza. A ansiedade desencadeia diversos sintomas, como excesso de preocupação, pensamento acelerado, insônia, fobias,...
Saúde
Checkup: o que é feito, quais são os exames e frequência indicada

Checkup: o que é feito, quais são os exames e frequência indicada Por: Anderson Rodrigues

Muitas pessoas ainda costumam procurar o médico apenas quando estão doentes. No entanto, o ideal é que todos façam um checkup periódico para monitorar sua saúde, a fim de...
Saúde
Psicologia: áreas de atuação e o que faz um psicólogo

Psicologia: áreas de atuação e o que faz um psicólogo Por: Paola Sobral

A Psicologia se refere ao estudo do comportamento humano e sua relação com o meio. Ela se ramifica em diversas áreas específicas, como Psicologia Ocupacional, Comportamental, do Esporte, Clínica,...
Saúde
ASO: esclareça as principais dúvidas sobre o Atestado de Saúde Ocupacional!

ASO: esclareça as principais dúvidas sobre o Atestado de Saúde Ocupacional! Por: Anderson Rodrigues

O Atestado de Saúde Ocupacional (ASO) é um documento que comprova quando o trabalhador tem a condição de saúde adequada para executar certas funções. É uma exigência para todos...
SOLUÇÕES EM DESTAQUE
Qualidade de vida, Saúde e Ergonomia
Preparado para transformar pessoas e negócios?
O investimento em saúde, segurança e qualidade de vida impacta diretamente nos resultados da sua organização.
Fale com nossos especialistas
x

Solicite uma proposta







    Assine nossa newsletter

      Autor
      Izabella Siervi

      Psicóloga com certificação em Análise Comportamental, Gestão Comportamental, Plano de Desenvolvimento Individual e Engenharia de Cargos

      5 Comentários

      1. […] o grupo de apoio ajuda a dar suporte psicológico para essas mulheres e promover a conscientização das outras, para que possam perceber que a […]

      2. […] empresas devem considerar que, em muitos casos, deverão promover o atendimento psicológico de alguns colaboradores. Os trabalhos em home office, o isolamento doméstico e a própria […]

      3. […] suporte psicológico é muito importante para tratar a alergia emocional, uma vez que os sentimentos da pessoa e as suas […]

      4. […] suporte psicológico para cuidar da saúde mental também faz a diferença, já que o estresse e a ansiedade têm uma […]

      5. […] A empresa pode promover palestras sobre o tema, colar cartazes e realizar campanhas por meio de canais de comunicação, como o WhatsApp. Dessa forma, as mulheres se sentem valorizadas e cuidadas pela empresa. Juntamente com ações diretamente relacionadas com a campanha do mês, também podem ser oferecidas outras ações direcionadas para as mulheres, como atendimento psicológico. […]

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

      Fale com consultor!

      Fale com um consultor

        Cadastrar currículo