Blog da Beecorp

biofeedback
Qualidade de Vida

Biofeedback: o que é e quais os benefícios para a saúde mental

Já ouviu falar no biofeedback? Esse método está sendo muito utilizado na promoção da saúde mental e permite que a pessoa tenha mais controle do seu corpo, através do monitoramento das reações a certas situações. Parece tecnologia do futuro, mas é realidade.

Com a medição de determinados processos biológicos (como a frequência cardíaca, pressão sanguínea, entre outros), é possível perceber, entender e controlar as reações do corpo. Essa percepção corporal pode ser utilizada no tratamento de dores de cabeça, transtorno do déficit de atenção, problemas cardíacos e muitas outras doenças.

Dentro do ambiente de trabalho, o biofeedback é um grande aliado para as empresas investirem na qualidade de vida dos empregados. Com o aumento do estresse, ansiedade e transtornos mentais, as empresas têm buscado opções diferentes para garantir a saúde mental da equipe.

Acompanhe este texto e descubra como o biofeedback pode ajudar a sua empresa!

O que é biofeedback?

Todos os estímulos do corpo são controlados pelo cérebro, através de um processo natural e automático. O biofeedback é um método que mede essas respostas do corpo em determinadas situações. Ou seja, tem como objetivo escanear essas reações automáticas.

Através dessa identificação, é possível entender e treinar o corpo para controlar suas reações. Quando a pessoa identifica quais são os processos presentes dentro de uma reação, ela pode controlar essa resposta.

Segundo os autores Angélica da Silva Lantyer, Milena de Barros Viana e Ricardo da Costa Padovani, os dados obtidos nas medições são imediatos. No artigo “Biofeedback no tratamento de transtornos relacionados ao estresse e à ansiedade: uma revisão crítica”, eles afirmam que a medição detecta processos fisiológicos que podem ser inconscientes.

O método por ser aplicado de duas formas: no momento de uma crise — por exemplo, no momento de uma dor de cabeça—, o paciente passa pela medição. Nela, são apontadas quais as reações envolvidas no desencadeamento do problema.

A outra é a mediação distante da crise, como uma medida de prevenção. Nesse caso, o especialista realiza a medição combinada a uma série de perguntas. São avaliadas as reações e, a partir disso, os resultados são traçados.

Quais os métodos envolvidos na medição?

Existem diferentes formas de medir as reações do corpo. Com o avanço das tecnologias da medicina, o biofeedback conseguiu se desenvolver e apresentar resultados precisos.

Um terapeuta especialista guia o paciente. É ele que determina qual a melhor opção. Pode-se utilizar eletromiografia ou eletroencefalograma, entre outras técnicas.

A opção mais precisa é conhecida como biofeedback de variabilidade de frequência cardíaca (VFC). Simples, ele é realizado a partir da medição da resposta do sistema nervoso central, verificando os batimentos cardíacos.

É esse método que a BeeCorp utiliza. Oferecemos terapia através da ferramenta CardioEmotion. A escolha foi pensando justamente em oferecer resultados precisos de forma simples.

Como o biofeedback auxilia na saúde mental?

O biofeedback é uma técnica que surgiu nos Estados Unidos, por volta de 1960. Hoje, essa técnica se transformou em uma poderosa arma na promoção da saúde mental.

Segundo a Secretaria da Previdência Social, transtornos comportamentais e de saúde mental ocupam a terceira causa de afastamento. Entre elas, a principal é a depressão.

Dados da OMS (Organização Mundial de Saúde) apontam o ambiente de trabalho como um local estressante. Além da sobrecarrega e acúmulo de tarefas, a pressão por metas e resultados cada vez mais imediatos, contribuem para esse cenário. Junto a tudo isso, une-se o medo do desemprego.

Diante dessas condições, promover a saúde mental dos funcionários se tornou uma necessidade. 

O biofeedback te ajuda nessa tarefa. A partir do desenvolvimento da consciência corporal, é possível oferecer um suporte para que o colaborador lide com situações desafiadoras. A cada sessão, ele se torna mais independente, conseguindo, por fim, desenvolver um mecanismo para lidar com as mais diversas condições situacionais.

Como aplicar o biofeedback?

Para aplicar o biofeedback, é preciso contar com uma equipe especializada. Apenas um terapeuta qualificado pode realizar o tratamento.

Outro ponto essencial é que a empresa promova um ambiente menos estressante. Para isso, deve-se oferecer diferentes opções, tanto para o controle de estresse como para a promoção de saúde.

Entre as opções que podem ser adotadas, estão:

  • Relaxamento e meditação: promove um momento de desligamento das preocupações e aumenta a consciência corporal. É uma ótima preparação para a introdução do biofeedback, pois insere os conceitos de autorregulação corporal nos funcionários. Entre as diferentes técnicas, destaca-se a mindfulness e a meditação guiada;
  • Prática de atividades físicas: reconhecido pela liberação de endorfinas, esse método auxilia na diminuição dos níveis de estresse. No ambiente de trabalho, algumas ações, como grupos de corridas, podem promover uma melhora na qualidade de vida, ao mesmo tempo em que promovem um relacionamento entre os funcionários;
  • Terapias: contar com opções de atendimento especializado para os funcionários é essencial para a promoção da saúde. A presença de um profissional pode auxiliar em casos mais sérios e identificar quais os tratamentos mais adequados. Além disso, apenas um profissional pode fornecer ferramentas que tratem, de forma eficiente, os problemas.

A OMS lista a promoção da saúde mental como um investimento de alto retorno. Para a organização, a cada US$ 1 investido, há um retorno de US$ 4 em capacidade de trabalho.

Esses gastos, na verdade, são vistos como investimento. Todo o dinheiro destinado para a melhoria da qualidade de vida dentro do ambiente organizacional oferece um alto retorno.

No Atlas da Saúde Mental 2017, são listadas as ações promovidas, além do investimento médio que os países fazem em promoção de saúde mental. Observa-se que países desenvolvidos têm um investimento maior em métodos de promoção de saúde.

Viu como o biofeedback pode ser um ótimo investimento para a sua empresa? Com apenas um método, é possível tratar uma série de problemas e promover uma melhora da saúde mental dos seus funcionários de forma prática e efetiva!

Quer saber mais sobre como a BeeCorp pode ajudar a sua empresa? Inscreva-se na nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades da BeeCorp!