Palestras para SIPAT: O que considerar ao definir os temas?

temas de palestras para SIPAT
Categoria: Ergonomia

Prevenir acidentes é uma necessidade e uma obrigação de todo estabelecimento que mantém vínculos empregatícios. Por isso, é tão importante trabalhar a conscientização e o treinamento dos colaboradores, sendo as palestras para SIPAT uma excelente estratégia para alcançar esse objetivo.

Porém, não basta organizar uma SIPAT. É preciso que ela seja bem elaborada para que esteja de acordo com os profissionais que vão participar — e adequada à realidade de cada empresa. Logo, os temas devem ser muito bem escolhidos.

Neste artigo, trazemos para você alguns aspectos a considerar na hora de escolher esses temas, a fim de garantir o sucesso da semana de prevenção de acidentes. Continue lendo e confira, também, sugestões de assuntos que podem ser trabalhados durante esse evento.

Como definir os temas de palestras para SIPAT?

Conforme estabelece a NR-5, a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) é obrigatória para qualquer estabelecimento que mantenha vínculos empregatícios. Já a SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho) é um evento obrigatório para todo estabelecimento que tem essa comissão.

No entanto, mais do que entender o que é SIPAT e a obrigatoriedade desse evento, você precisa saber como organizá-lo. Afinal, é durante essa semana que serão trabalhados aspectos que influenciam a segurança dos trabalhadores de forma individual e coletiva, garantindo para eles bem-estar, saúde e integridade física.

Assim, os temas não podem ser escolhidos aleatoriamente, nem tão pouco se repetirem de uma forma maçante. O ideal é adotar uma estratégia para envolver os colaboradores, garantir que eles estejam engajados com o evento e tirem o máximo de proveito dele.

Então, na hora de definir os temas das palestras para SIPAT alguns aspectos precisam ser considerados. A seguir você confere quais são os principais.

Pense nos objetivos principais

Não existe uma receita pronta para organizar uma SIPAT de sucesso. Isso porque cada empresa tem suas necessidades de acordo com a realidade que vivencia. Logo, o ideal é pensar nos objetivos que se pretende alcançar.

É interessante fazer uma análise da organização verificando as principais ocorrências, os riscos aos quais os colaboradores estão expostos, a incidência de doenças ou problemas de saúde, entre outros fatores.

São eles que vão mostrar quais são os aspectos que ainda precisam ser melhorados e os temas que devem ser trabalhados para promover uma melhor conscientização daquela equipe, atendendo exatamente suas necessidades.

São eles que vão mostrar quais são os aspectos que ainda precisam ser melhorados e os temas que devem ser trabalhados para promover uma melhor conscientização daquela equipe, atendendo exatamente suas necessidades.

Considere o perfil dos colaboradores

A organização do evento deve considerar o perfil dos colaboradores. Isso é importante para elaborar as melhores atividades e escolher os temas ideais para as palestras, além do modo como eles serão abordados e a linguagem a ser empregada.

Em muitas empresas o quadro de colaboradores é composto por pessoas mais simples; em outros, temos uma equipe composta por jovens. Há também aquelas onde os profissionais são mais experientes, a maioria é de mulheres ou homens. Tudo isso ajuda a definir como organizar a SIPAT.

Elabore uma programação de palestras para SIPAT que engaje os colaboradores

Conforme o perfil dos colaboradores, além de escolher bons temas de palestras para SIPAT, você poderá definir quais atividades vão compor essa semana. Afinal, como explicamos, é importante que eles engajem com o evento.

É possível trabalhar de uma forma lúdica mesmo quando se trata de adultos. Existem algumas dinâmicas para SIPAT que você pode adotar, assim, os profissionais terão uma participação mais ativa, gerando interesse pelo evento.

Selecione informações relevantes

Esse é um aspecto importante na escolha do tema das palestras para SIPAT, das dinâmicas e outras atividades que vão compor a semana. O ideal é buscar informações que, de fato, sejam relevantes para a realidade desses profissionais, diretas e impactantes.

“Chover no molhado” ou “encher linguiça”, como se costuma dizer, não surtirá grande efeito. Na verdade, será um tempo perdido para os colaboradores e a empresa. Portanto, busque soluções para SIPAT que venham agregar valor para o evento, não apenas cumprir uma formalidade.

Trabalhe de acordo com a filosofia da empresa

A filosofia da empresa também deve ser considerada, pois é ela que envolve os princípios, as diretrizes organizacionais, os valores e o comportamento ético esperado pela organização. Por isso, são aspectos que influenciam os resultados que se pretende alcançar.

É com base nessa filosofia que vamos trabalhar os temas conforme a realidade da empresa. Os colaboradores serão treinados e conscientizados com base no que a organização espera deles, para que todos estejam alinhados.

Quais temas são interessantes de palestras para SIPAT?

Como dito, o ideal é que cada CIPA faça a seleção dos temas de palestras para SIPAT pensando no perfil dos colaboradores e na realidade da empresa. Mesmo assim, existem alguns assuntos que são interessantes para trabalhar em todas as organizações. Veja quais são eles a seguir.

Primeiros socorros

Fundamental para que os colaboradores saibam como agir caso aconteça algum acidente na empresa. É preciso que a primeira atenção ao acidentado seja feita do modo correto para não agravar o seu quadro e, nesse momento, mitos e “achismos” precisam ficar de fora.

Segurança comportamental

Esse tema é mais focado no indivíduo e visa apresentar para ele quais são as melhores técnicas e práticas que vão garantir a sua própria segurança. O objetivo é uma mudança de comportamento individual, o que garante a proteção do colaborador e do coletivo.

Bem-estar e qualidade de vida

Esses são temas importantes porque ambos os aspectos interferem nas ações e comportamentos do colaborador. Incentivar a busca e proporcionar meios de alcançar mais bem-estar e qualidade de vida são formas de garantir a segurança na empresa.

Ergonomia

Esse é um dos temas mais importantes das palestras para SIPAT, visto que a falta de ergonomia oferece uma série de riscos de acidentes. Além de disponibilizar recursos para o trabalhador desempenhar suas funções adequadamente, a empresa deve alertar sobre como explorar esses recursos e a importância de fazer isso.

Relacionamento interpessoal

Quando uma equipe trabalha junta, unida e engajada, os riscos são minimizados. Isso porque temos um ambiente de trabalho mais saudável e trabalhadores colaborativos, que se preocupam com a integridade dos demais e contribuem para a segurança de todos.

Motivação

A falta de motivação no trabalho resulta em profissionais desatentos e desconcentrados. Esses dois aspectos são fatores de risco para ocorrência de acidentes. Logo, motivar toda a equipe durante a SIPAT é uma forma de ter um grupo mais dedicado e comprometido.

Como começar o planejamento dessa semana de palestras para SIPAT?

Para começar a planejar a semana de prevenção de acidentes, faça uma análise da realidade da sua empresa. Identifique falhas e aspectos que precisam ser corrigidos ou reforçados. Avalie também os colaboradores, seu comprometimento com a segurança, possíveis advertências e ocorrências que já foram registradas.

Observe dentro do seu setor quais são os temas que precisam ser trabalhados, os assuntos de maior interesse para profissionais dessa área. Assim, com base no perfil da sua equipe, você conseguirá fazer um levantamento das informações mais preciosas para ela e das atividades que terão um melhor impacto e aproveitamento.

É válido ressaltar que a não realização da SIPAT pode implicar em multas para a empresa. Além disso, a companhia desperdiçará um momento precioso para promover a conscientização e o treinamento dos colaboradores. Portanto, é importante que a semana seja vista mais que como uma obrigação, mas uma oportunidade.

Escolha os temas de palestras para SIPAT de uma forma estratégica, sempre considerando o que a sua empresa precisa e o que melhor atende ao perfil dos colaboradores. Assim você vai elaborar um momento realmente proveitoso e garantir um ambiente de trabalho mais saudável.

BLOG DA BEECORP
Você também pode se interessar
Ergonomia
Principais riscos ergonômicos encontrados nas empresas

Principais riscos ergonômicos encontrados nas empresas Por: Ana Flávia Oliveira

Os riscos ergonômicos são todas as condições que afetam o bem-estar, sejam elas físicas, mentais ou organizacionais. Podem ser compreendidas como fatores que interferem nas características psicofisiológicas do profissional,...
Ergonomia
Entenda agora como funciona o processo eleitoral da CIPA

Entenda agora como funciona o processo eleitoral da CIPA Por: Ana Flávia Oliveira

Para formar a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Assédio), é preciso passar por um processo de eleição, no qual se escolhem os representantes da comissão. O...
Ergonomia
CIPA: você sabe o que é e o que faz?

CIPA: você sabe o que é e o que faz? Por: Ana Flávia Oliveira

CIPA é a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Assédio que atua na prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais. Seu objetivo é promover saúde, preservando a...
Ergonomia
Ergonomia: conceito, tipos e benefícios no trabalho

Ergonomia: conceito, tipos e benefícios no trabalho Por: Ana Flávia Oliveira

Ergonomia é o conjunto de regras e procedimentos que visam os cuidados com a saúde do profissional, dentro e fora do seu ambiente de trabalho. Regulamentada pela NR 17,...
Ergonomia
Tudo que você precisa saber sobre segurança do trabalho

Tudo que você precisa saber sobre segurança do trabalho Por: Ana Flávia Oliveira

Segurança do Trabalho (ST) é um conjunto de medidas de prevenção adotadas para proteger os colaboradores de uma empresa. Para isso, são reduzidos os riscos de acidentes de trabalho...
Ergonomia
Como escolher uma cadeira ergonômica para escritório

Cadeira ergonômica: como escolher uma para escritório Por: Felipe Alvares

Muitas pessoas podem considerar a beleza como um critério importante ao escolher uma cadeira para o seu escritório. Pensam na combinação da peça com o restante do mobiliário, mas...
Ergonomia
Nr17

Como a NR 17 pode reduzir o absenteísmo dentro das empresas? Por: Ana Flávia Oliveira

O absenteísmo nas empresas refere-se à ausência de um colaborador no período de trabalho, seja por algumas horas ou até mesmo por vários dias. Mas qual a sua relação...
Ergonomia
Conheça sobre Normas Regulamentadoras e sua relação com a saúde e bem-estar do trabalhador

Conheça sobre Normas Regulamentadoras e sua relação com a saúde e bem-estar do trabalhador Por: Ana Flávia Oliveira

Um conjunto de documentos normativos da legislação trabalhista representa importante papel para a segurança, saúde e bem-estar dos colaboradores de uma empresa: são as Normas Regulamentadoras, conhecidas por sua...
Ergonomia
Riscos ocupacionais: entenda mais e os 5 tipos!

Riscos ocupacionais: entenda mais e os 5 tipos! Por: Luíza Terra

Um dos principais focos de atenção em Saúde e Segurança do Trabalho (SST) reside nos riscos ocupacionais. São aquelas situações, condições ou procedimentos que oferecem possibilidade de danos à...
SOLUÇÕES EM DESTAQUE
Qualidade de vida, Saúde e Ergonomia
Preparado para transformar pessoas e negócios?
O investimento em saúde, segurança e qualidade de vida impacta diretamente nos resultados da sua organização.
Fale com nossos especialistas
x

Solicite uma proposta







    Assine nossa newsletter

      Autor
      Ana Flávia Oliveira

      Especialista em Enfermagem do Trabalho, Ergonomia aplicada ao Trabalho e Gestão de Pessoas

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

      Fale com consultor!

      Fale com um consultor

        Cadastrar currículo