Motivação: o que é, como desenvolver e alcançar metas

Motivação: o que é, como desenvolver e alcançar metas
Conceito
Tipos
Como desenvolver?
Motivação no trabalho
Identifique colaboradores desmotivados
Causas da falta de motivação no trabalho
Como aumentar a motivação dos colaboradores?
Categoria: Gestão

Motivação é a força que impulsiona um indivíduo a agir. Seja a motivação no trabalho, seja nos estudos ou em projetos pessoais, esse é um dos fatores mais importantes. Quando ela está em falta, logo aparecem os sinais mais comuns, como procrastinação, perda de desempenho e estresse no dia a dia.

Do ponto de vista individual, encontrar motivação é fundamental para alcançar seus objetivos. E, dentro das empresas, saber como manter uma equipe motivada é fundamental para atingir metas elevadas.

Claro, nem sempre é fácil manter um bom nível de motivação. Há muitos fatores envolvidos, que vão desde a vida particular e mindset até eventos que interferem no dia a dia. Porém, existem várias maneiras de promover a motivação, seja individualmente ou em equipe.

Para ajudar você a compreender melhor o assunto, vamos explicar o conceito de motivação e como ele se aplica ao ambiente de trabalho.

Além disso, preparamos um guia completo para você aumentar a performance, confira:

Qual é o conceito de motivação?

O impulso para a ação é algo difícil de descrever, mas fácil de identificar. Quando você tem sede, você levanta e bebe água, certo? Isso porque a sensação é motivação para saciar essa sede. Se a sua banda favorita anuncia um show em sua cidade, você se sente motivado a comprar um ingresso e reservar essa data.

Essa força motriz pode ter diversas origens. Boa parte dos impulsos humanos são de origem biológica, para atender necessidades básicas. Porém, à medida que estas são satisfeitas, outras aparecem, indo além desses desejos mais simples.

Queremos mais, queremos melhor, queremos diferente. Isso também é motivação. Já a sua falta está associada a outras condições, como a síndrome de burnout.

Quais são os tipos de motivação?

Classificar as motivações em categorias definidas é bem difícil. Nenhuma categorização engloba todas as suas possibilidades sozinha. Porém, para efeitos práticos, podemos dividi-las em dois grandes grupos, como veremos a seguir.

Intrínseca

São as motivações inerentes ou internas, quando realizamos uma ação por vontade própria ou para satisfazer um desejo individual. É o caso de muitas atividades prazerosas, em que a própria ação já é uma forma de recompensa. Por exemplo, completar algum desafio e obter a satisfação da vitória. E como essa relação gera um feedback positivo, há maiores chances de repetir essa mesma ação.

Extrínseca

Em oposição, temos as motivações extrínsecas, aquelas que surgem devido a fatores externos. Nesses casos, a ação em si é apenas um meio para alcançar um fim, geralmente na forma de uma recompensa.

É o caso de certas tarefas feitas por obrigação, mas tendo em vista o resultado que vem depois. Muitas pessoas não se divertem limpando a casa, mas ainda é recompensador vê-la bem limpa e arrumada.

Para conseguir se manter motivado mesmo em tarefas que deste tipo, existem diversos métodos. Veja um deles no nosso material exclusivo:

Confira nosso material de como a alimentação pode favorecer a sua produtividade e motivação

O que é preciso para se motivar?

Na linguagem informal, esse termo é usado para descrever a “vontade de agir” de uma pessoa. Alguém “desmotivado” não toma iniciativa para fazer nada ou não encontra satisfação tão facilmente. Por isso, sempre buscamos formas de nos motivarmos.

Infelizmente, não há uma fórmula que funcione para todas as pessoas. Independentemente dos métodos escolhidos, cada um reage de uma maneira diferente. O resultado depende de seu tipo de personalidade, preferências, contexto, entre outros fatores. Por isso, é importante testar suas opções e encontrar aquela que funciona melhor para você.

Veja, aqui, algumas sugestões que podem ajudar.

Busque reforço e recompensas

Uma das formas mais simples de motivação é ter a recompensa. Se você espera ganhar algo ao final de uma tarefa, então tem melhores chances de manter o foco e se empenhar um pouco mais do que esperava.

Por exemplo, após cumprir uma obrigação específica, você pode se dar algum prêmio, como sair para ver amigos, algumas horas a mais assistindo suas séries favoritas, entre outros. Apenas tome cuidado para não pegar a recompensa sem ter cumprido a sua parte.

Encontre atividades que atraem

Claro, vale lembrar que a motivação intrínseca ainda é muito mais eficaz. Fazer algo apenas por obrigação eventualmente cansa, independentemente da recompensa esperada. Assim sendo, é fundamental encontrar satisfação no seu dia a dia.

Ter hobbies, por exemplo, é uma forma de recarregar suas energias, diminuir o estresse e manter sua motivação. O mesmo vale para a vida profissional. Se o seu trabalho traz satisfação direta, ele será bem menos cansativo.

Pense nos seus objetivos

Um dos principais fatores que levam à procrastinação e à perda de motivação é enxergar somente o trabalho a ser realizado. Em vez disso, você deve pensar no resultado que ele terá quando concluído.

É como o exemplo da limpeza que citamos acima. Imaginar a casa arrumada e organizada é uma forma de se motivar para limpar tudo com mais cuidado, mesmo que leve bastante tempo.

Crie bons hábitos

Pelo princípio da inércia, algo em movimento tende a se manter em movimento. A mesma ideia se aplica ao comportamento humano na forma do hábito. É mais fácil fazer algo que já fazemos todos os dias, não importando sua dificuldade.

Construir um hábito é a melhor forma de se motivar, pois aquela tarefa passa a ser o normal, ou seja, quase não exige mais esforço.

O que é a motivação no trabalho?

Dentro do mundo profissional, a motivação da equipe é uma métrica que exige bastante atenção. A diferença entre um time motivado e um desmotivado é ampla, impactando não só a produtividade, mas a qualidade do ambiente de trabalho.

Por isso, os profissionais de Recursos Humanos dedicam seu tempo para entender o que mais motiva os colaboradores.

Tipos de motivação profissional

As motivações intrínsecas e extrínsecas também estão presentes no trabalho. Porém, é importante entender como elas se manifestam na prática. Conheça alguns exemplos.

  • Compensação: pagamento, bônus, o retorno pelo serviço prestado.
  • Reconhecimento: promoções, feedback, validação dos seus resultados.
  • Satisfação: motivação intrínseca, a felicidade de um trabalho bem-feito.
  • Crescimento: objetivos maiores, oportunidades de alcançar algo mais elevado.

Esses são bons pontos de partida para analisar como sua equipe é motivada. Além de prever como podem reagir a diferentes formas de motivação.

Importância desse sentimento

Há uma relação direta entre a felicidade do trabalhador, sua motivação e produtividade. Segundo estudo, um trabalhador feliz e motivado é, em média, 31% mais produtivo. Além de apresentar menor risco de acidentes e absenteísmo

 Ou seja, o investimento feito nesse índice tem um reflexo direto nos seus resultados.

Como identificar colaboradores desmotivados?

É verdade que a motivação da equipe pode flutuar em conjunto. Mas é bem comum que haja alguns indivíduos desmotivados, mesmo em condições favoráveis. Algo que você pode identificar com base nos seguintes sinais.

Queda na produtividade

Se não há o impulso para agir e realizar um bom trabalho, é quase certo que o colaborador terá uma queda em seus resultados, seja no volume de produção ao longo do dia, seja em sua qualidade.

Para negócios que acompanham a produtividade da equipe, não é difícil notar essa mudança.

Dificuldade de convivência

Ser obrigado a realizar uma tarefa quando não há qualquer motivação é cansativo. E o cansaço se acumula até impactar negativamente o humor.

Um colaborador pouco motivado tende a ser mais irritadiço. Dependendo de como isso se manifesta, também pode impactar o clima organizacional, afetando as relações interpessoais no trabalho.

Aumento no absenteísmo

Um dos sinais mais claros da falta de motivação profissional é o absenteísmo, a ausência do colaborador no trabalho.

É comum ter algumas faltas devido a doenças, acidentes e outras emergências. Porém, um profissional desmotivado pode se ausentar sem outras justificativas. Sua própria função já gera um grande cansaço mental.

Causas da falta de motivação no trabalho

Identificar um profissional desmotivado é algo relativamente fácil, já que os sinais são mais óbvios. O principal desafio é encontrar os fatores que causam essa desmotivação. 

Identificar essas causas é fundamental para eliminá-las em sua origem ou encontrar formas de minimizar seu impacto negativo.

Entenda, a seguir, algumas causas comuns.

Pouca sensação de relevância

Um dos maiores assassinos da motivação no trabalho é sentir que suas ações não têm significado.

Profissionais que não veem o resultado do próprio trabalho ou não entendem como contribuem para os objetivos gerais da empresa tendem a perder o empenho. Afinal, sua única motivação é o seu pagamento.

Não há como obter satisfação sem saber com clareza o que está fazendo.

Compensação insuficiente

Para todo trabalho, é importante ter uma compensação adequada, o que inclui o salário.

Um profissional que dedica seu tempo e esforço à empresa se sente mais motivado quando o pagamento que recebe é proporcional às suas ações.

Por outro lado, caso o seu pagamento seja muito baixo, especialmente para sua função, logo deve perder sua motivação e produtividade.

Falta de reconhecimento

Ter alguma forma de validação para seu esforço também é importante. Seja na forma de recompensas, seja em elogios, feedback ou promoções.

Um profissional que faz um esforço extra e atinge altos resultados, mas não é reconhecido pelo seu esforço, logo perde sua motivação. Por que fazer algo além do mínimo exigido se não haverá qualquer diferença em seu tratamento?

A longo prazo, isso também afeta negativamente sua autoestima.

Como aumentar a motivação dos colaboradores?

Como a motivação da equipe influencia diretamente sua produtividade, vale a pena descobrir como elevar esse índice. E há várias opções à sua disposição. Veja alguns exemplos.

Escute as demandas da equipe

Como mencionamos no começo, cada pessoa é motivada de uma forma diferente. Não existe apenas uma forma de incentivo que se aplique a todos igualmente.

Por isso, é importante sempre escutar sua equipe, ouvir seu feedback e identificar de onde cada um extrai a sua motivação. A partir disso, é possível escolher os métodos mais eficazes.

Crie metas desafiadoras, mas realistas

Tarefas fáceis demais levam ao tédio, o que diminui o empenho. Ao mesmo tempo, metas irrealistas são uma fonte comum de frustração em vários ambientes de trabalho.

O segredo é encontrar metas estratégicas que equilibrem desafio e possibilidade. Propósitos que sejam desafiadores e mantenham sua equipe motivada, mas que estejam claramente dentro do alcance, desde que haja o esforço necessário.

Premiação por performance

A motivação intrínseca de um desafio faz bastante diferença. Porém, também deve haver a motivação extrínseca de uma recompensa. É o caso, por exemplo, de premiar equipes que atingem metas elevadas ou promover competições saudáveis entre os colaboradores.

O prêmio, em si, pode vir na forma de um pagamento extra, viagens ou outros. Lembre-se: ele deve ser algo relevante para motivar a sua equipe.

Invista em qualidade de vida no trabalho

Sua equipe já passa oito horas por dia na empresa. Sendo assim, é fundamental que todos tenham o máximo de qualidade de vida dentro desse ambiente.

Investir em seu conforto e segurança ajuda a melhorar sua motivação, o que aumenta a produtividade. Também, é uma forma de promover a sua saúde e ergonomia.

Promova um clima organizacional positivo

A qualidade das relações interpessoais no ambiente de trabalho é outro fator importante na motivação da equipe. Novamente, já que todos ficam no mesmo ambiente ou convivem por grande parte do dia, o mínimo que se pode esperar é todos conseguirem dialogar e conviver.

A chave, aqui, é um clima organizacional mais positivo. Ao promover um ambiente com menos pressão e um espaço para conversas e cooperação, a satisfação e bem-estar no trabalho tendem a ser mais altos.

Tenha flexibilidade

Levando em conta todas as dicas e informações até agora, temos que reforçar a importância da flexibilidade na hora de promover a motivação. Afinal, cada colaborador tem necessidades e desejos específicos.

Na medida do possível, você deve tentar atendê-los. Seja com adaptação nos horários ou criando um ambiente mais alinhado a seu trabalho.

Claro que ninguém espera que a empresa lide com cada pedido individual. Não é algo realista. O trabalho do RH é encontrar um meio-termo.

Adaptar os métodos, na medida do possível, para que todos se sintam contemplados e bem atendidos, mas ainda cumprindo suas tarefas.

Há muitas formas de entender a motivação dentro e fora do trabalho. E a melhor maneira de saber como construir uma equipe motivada e empenhada é ouvir suas demandas e testar diferentes métodos.Quer mais uma dica para saber por onde começar? Então, veja aqui nosso kit de práticas de qualidade de vida e como aplicá-las em seu negócio.

BLOG DA BEECORP
Você também pode se interessar
Gestão
Assexualidade, pansexualidade e outras orientações sexuais

Assexualidade, pansexualidade e outras orientações sexuais Por: Felipe Alvares

Há quem diga que cada pessoa tem sua opção sexual. Porém, esse não é o termo correto. Afinal, sexualidade não é uma escolha, é algo inerente ao ser. Por...
Gestão
RAT: explicamos tudo sobre o que é e como calcular

RAT: explicamos tudo sobre o que é e como calcular Por: Alice Araujo

Como forma de promover a segurança do trabalho e prevenir eventuais custos originários da cobertura de acidentes ou doenças ocupacionais, a legislação prevê o pagamento do RAT por meio...
Gestão
Feedback: como realizar e quais são os tipos

Feedback: como realizar e quais são os tipos Por: Felipe Alvares

No mundo organizacional podemos considerar que o feedback é a arte de saber dar um retorno sobre o desempenho ou comportamento de colaboradores. Pode ser um feedback positivo ou...
Gestão
Motivação: o que é, como desenvolver e alcançar metas

Motivação: o que é, como desenvolver e alcançar metas Por: Felipe Alvares

Motivação é a força que impulsiona um indivíduo a agir. Seja a motivação no trabalho, seja nos estudos ou em projetos pessoais, esse é um dos fatores mais importantes....
Gestão
Mindset: como desenvolver e utilizar para alcançar metas

Mindset: como desenvolver e utilizar para alcançar metas Por: Felipe Alvares

A Nova Psicologia do Sucesso é o título do livro escrito pela psicóloga Carol Dweck. Essa obra popularizou o termo mindset. Ela afirma que o sucesso se relaciona, principalmente,...
Gestão
Proatividade: um guia para você ser mais proativo

Proatividade: um guia para você ser mais proativo Por: Felipe Alvares

A proatividade é uma característica das pessoas que são eficientes de maneira espontânea. Não é necessário que alguém diga o que elas precisam fazer. Elas tomam a dianteira quando...
Gestão
Turnover: significado, como calcular, tipos e como reduzir

Turnover: significado, como calcular, tipos e como reduzir Por: Luíza Terra

O turnover, ou rotatividade, é um indicador que reflete a frequência com a qual os membros da sua equipe são substituídos. Ou seja, ele representa quantas pessoas saíram da...
Gestão
Síndrome do impostor: o que é, como identificar e como tratar

Síndrome do impostor: o que é, como identificar e como tratar Por: Felipe Alvares

Crescente em nossa sociedade, a síndrome do impostor é um fenômeno psicológico caracterizado pelo sentimento de inadequação e de que todas as conquistas do indivíduo foram resultados do acaso...
Gestão
Dia da consciência negra: como surgiu, história e o que representa

Dia da consciência negra: história e o que representa Por: Carina Martins

O Dia da Consciência Negra (20 de novembro) representa a luta dos pretos ao longo da história. Sua história e seu objetivo torna a data um marco relevante para...
Preparado para transformar pessoas e negócios?
O investimento em saúde, segurança e qualidade de vida impacta diretamente nos resultados da sua organização.
Fale com nossos especialistas
x

Solicite uma proposta







    Assine nossa newsletter

      Autor
      Felipe Alvares

      Assistente de Marketing BeeCorp

      Fale com consultor!

      Fale com um consultor

        Cadastrar currículo